Imóveis para investimento no Brasil voltam a ser atrativos

  • 24 de abril de 2017

Atualmente apesar da crise, após um recente aumento do PIB, o Brasil ocupa a décima terceira maior economia do mundo. Tal crescimento está definido para continuar, com a economia da nação prevista para se tornar a quinta maior do planeta em 2035. Os números são um bom sinal para os investidores, embora com a recessão global exista um grau de cautela que deve ser considerado.

As medidas governamentais para tentar afastar uma futura recessão no Brasil e promover um crescimento econômico, como a redução da taxa básica de juros, ainda afetam algumas áreas de investimentos, como os rendimentos de aluguel.

Para o presidente do Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), Carlos Hiram Bentes David, a redução da taxa básica de juros facilita para quem deseja adquirir a casa própria devido ao crédito habitacional oferecido pelos bancos públicos e privados. Porém, o mercado de aluguel ainda é afetado, diretamente, pela crise que gera desemprego e diminuição da renda somado à inflação que ainda encontra-se alta.

Entretanto, muitos investidores estão escolhendo o Brasil para potencial crescimento de capital, em vez de rendimento de aluguel. Algumas áreas do Nordeste do país, especialmente, na Bahia têm atraído até 20% de valorização anual de capital nos últimos anos.

Com informações do Portal VGV

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

VENDA DE IMÓVEIS EM NOVEMBRO DE 2021 FOI 40% MAIOR DO QUE EM 2020

O Boletim de Conjuntura Imobiliária de dezembro divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) informa que segundo dados da ANOREG (Associação dos Notários…

SECOVI/DF CRIA A VICE-PRESIDÊNCIA DE LANÇAMENTOS IMOBILIÁRIOS

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) criou a Vice-Presidência Extraordinária de Lançamentos Imobiliários e empossou o empresário do setor, Rogerio Oliveira. De acordo…

VENDA DE IMÓVEIS SUPERA 2 BILHÕES EM OUTUBRO

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) aponta que a variação do Volume Geral de Vendas, o VGV,…

Mercado Imobiliário do DF supera 15 bilhões em venda de imóveis em 2021

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) informa com base nos dados do Sistema Integral de Gestão Governamental…