IMÓVEIS EM ÁGUAS CLARAS SÃO OS MAIS RENTÁVEIS DO DF

  • 24 de junho de 2019

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), referente ao mês de maio, mostra que as lojas e salas em Águas Claras tiveram a maior rentabilidade, assim como as lojas em Taguatinga, conforme análise do índice de Rentabilidade Comercial.

Os menores valores, por sua vez, foram encontrados nas categorias de sala e loja no  Setor de Indústria, além das salas em Brasília.

O índice de Rentabilidade Residencial apresentou seus maiores valores, também, em Águas Claras para imóveis de um dormitório (0,51%), Quitinete (0,48%) e para unidades de três dormitórios (0,45%). Já, os menores valores foram observados nas categorias de três dormitórios e um dormitório, no Guará, além de três dormitórios em Brasília.

Segundo o presidente do SECOVI/DF, Ovídio Maia, os dados mostram que a cadeia produtiva do mercado imobiliário está retomando a confiança na economia e voltando a investir. “Acreditamos, também, que a aprovação da Reforma da Previdência será benéfica para aquecer o setor da habitação, pois ela está atrelada à taxa de juros para os financiamentos. Se as novas regras forem aprovadas, com certeza, irão levar o aposentado a investir em imóveis para complementar sua renda”, completou .

Ainda, segundo o Boletim, o  Índice Locação Secovi para o mês de maio foi positivo com uma variação de 0,45% em relação ao mês anterior, totalizando em um ano uma variação de 6,04%.

Já, o Índice Comercialização Secovi teve uma variação negativa de 0,51%. Porém, a variação acumulada no ano é de 0,36%.

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), referente ao mês de maio, analisou 56.611 imóveis, destes 48.165 são de unidades residenciais e 8.446 de imóveis comerciais.

Boletim – Clique aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

CLDF dará prioridade à tramitação do PPCUB

Foto: Nina Quintana O presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), deputado distrital Wellington Luiz (MDB-DF), dará prioridade à discussão…

MERCADO IMOBILIÁRIO DO DF MOVIMENTOU 17,35 BILHÕES EM 2023

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) apurou que o segmento de revenda (mercado secundário) movimentou R$ 17,35…

PPCUB É APROVADO APÓS 11 ANOS DE DEBATE

O PPCUB - Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília - principal instrumento de política urbana de Brasília, tombado nas instâncias distrital e federal…

SECOVI/DF participou do lançamento do Balcão Único e da sanção da Lei de parcelamento do solo

Da esquerda para a direita: Ovídio Maia, presidente do SECOVI/DF; Marcelo Vaz, Secretário de Habitação (SEDUH) e José Aparecido - presidente…