FUNDOS IMOBILIÁRIOS TORNAM-SE ATRATIVOS

  • 3 de novembro de 2011
O cenário atual traçado pela expectativa de queda na taxa básica de juros e o aumento da inflação tem tornado os fundos imobiliários mais atrativos para o investidor.

Em setembro, esses investimentos apresentaram um rendimento médio de 2,73% considerando a valorização das cotas na bolsa e o ganho distribuído das receitas de aluguel, superando a variação do CDI que foi de 0,94%, no mês passado.

As receitas com aluguel aumentaram 28% em relação a dezembro de 2010 em mais de 60% dos imóveis em carteira.

É importante ressaltar, a alta do Índice Geral de Preços de Mercado (IGP-M) utilizado para o cálculo do reajuste de aluguéis. O IGP-M demonstrou crescimento de 0,65% em setembro corroborando o movimento positivo observado no mês de agosto. Este ano, o índice já acumula alta de 4,67% e no acumulado de 12 meses 6,92%.

A expectativa é que com a queda da Selic, hoje, em 11,5% os fundos imobiliários encerrem o ano acima do ganho líquido dos fundos de renda fixa, já descontando o Imposto de Renda de 15%. Em 12 meses, os fundos imobiliários tiveram um retorno de 11,3%, bem acima do CDI que ficou em 8,70%.

Para o vice-presidente do Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI-DF), Ovídio Maia, as informações do mercado imobiliário não poderiam ser melhores considerando que os investidores neste mercado são profissionais. “Hoje, os investimentos são feitos com planejamento. Os investidores têm metas de valorização e ganho real , investem a longo prazo  e  em suas carteiras prestam contas, diariamente, e são cobrados por isso”, afirmou.

O Brasil está demonstrando a cada dia a segurança em investir em imóveis , a despeito da gangorra da especulação os investidores mundiais descobriram o país –  mercado  seguro , regulado, promissor, estável , e sem sobressaltos.  “Os números comprovam que o nosso mercado tem liquidez”, conclui Ovídio.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

SECOVI DIVULGA LISTA DOS IMÓVEIS USADOS MAIS CAROS E MAIS BARATOS NO DF

O Boletim de Conjuntura Imobiliária de julho de 2022 com amostra referente ao mês de junho divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF)…

QUAL É A RENDA MÉDIA ANUAL PARA SE FINANCIAR UM IMÓVEL NO DF?

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) divulgou os dados referentes à renda média anual familiar para se financiar um imóvel dependendo da região…

SECOVIS DIVULGAM DADOS DE IMÓVEIS EM BRASÍLIA, RIO E SÃO PAULO

O Boletim de Conjuntura Imobiliária do mês de junho com amostras referente à maio de 2022 divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF)…

VENDA DE IMÓVEIS NO DF SEGUE EM ALTA

O Boletim de Conjuntura Imobiliária do Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) registrou que o Volume Geral de Vendas (VGV) acumulado até o mês…