Feirão da Caixa movimenta mais de 30 mil contratos e R$ 4,6 bilhões em negócios

Mais de duzentas mil pessoas passaram pelo Feirão da Caixa da Casa Própria realizado, neste final de semana, em cinco capitais (Brasília, Belo Horizonte, Recife, Salvador e Rio de Janeiro). Segundo informações da Caixa Econômica Federal, foram negociados R$ 4,6 bilhões entre acordos assinados e encaminhados, correspondendo a 30.925 contratos.

Em sua 8ª edição, o Feirão da Caixa ofereceu mais de 430 mil imóveis, entre novos, usados e na planta. A maior atração do evento foram os juros reduzidos. Imóveis de até R$ 500 mil tiveram os juros rebaixados de 10% para até 9% ao ano. E imóveis de R$ 450 mil, dentro das condições do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), chegaram a taxas de 7,9% ao ano. Na modalidade carta de crédito FGTS, voltada para a baixa renda, os juros chegaram a 4,6%.

O presidente do Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), Carlos Hiram Bentes David, brinda o fato de a população ter sido presenteada com taxas de juros reduzidas. “Uma oportunidade única e inigualável”, afirmou. Ele lembra que o Feirão é um dos maiores eventos imobiliários do Distrito Federal e elogia a Caixa Econômica pela organização e por cumprir o papel de banco social, facilitando o acesso das pessoas ao sonho da casa própria.

Os próximos feirões vão acontecer de 18 a 20 de maio, nas cidades de Curitiba, Fortaleza e São Paulo e, de 25 a 27 de maio, em Uberlândia, Campinas e Porto Alegre e, por fim, de 8 a 10 de junho, em Belém e Florianópolis.

Os interessados em adquirir a casa própria ainda podem procurar as agências da Caixa Econômica Federal e negociar com as mesmas condições oferecidas durante o Feirão. Mais informações sobre juros reduzidos estão disponíveis no site da CEF (http://www.caixa.gov.br/).

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Projeto de revitalização do Gama é aprovado

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) participou, ativamente, da aprovação do projeto de revitalização do Gama no Conselho de Planejamento Territorial e Urbano…

SECOVI/DF é favorável à moradias no Setor Comercial Sul

O Projeto de Lei Complementar que autoriza o uso residencial em imóveis comerciais localizados, nas quadras de 1 a 6, do Setor Comercial Sul, foi…

SECOVI/DF distribui máscaras de proteção às empresas associadas

As empresas associadas ao Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) estão recebendo, gratuitamente, máscaras de proteção contra a Covid-19 para seus funcionários e colaboradores.…

Entrevista concedida pelo presidente do SECOVI/DF, Ovídio Maia

Entrevista concedida pelo presidente do SECOVI/DF, Ovídio Maia, ao DF Record sobre a alta dos aluguéis residenciais e a baixa no preço dos imóveis comerciais.…