DADOS IMOBILIÁRIOS DE 2016 MOSTRAM QUEDA MAS APONTAM PARA RETOMADA

  • 20 de abril de 2017

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) divulgou em parceria com a Econsult, empresa júnior do Deptº de Economia da Universidade de Brasília (UNB), o Anuário 2016 do Mercado Imobiliário do DF.

O Índice Secovi utilizado para refletir o comportamento geral dos preços dos imóveis ofertados no Distrito Federal, tanto para venda quanto para locação, mostrou duas curvas distintas.

O Índice de Comercialização que apresenta a variação dos preços dos imóveis para venda no DF, ao longo de 2016 sofreu quedas constantes até setembro. De outubro em diante, foram verificados aumento nos preços ofertados, o que mostra uma recuperação do mercado para 2017. Para os economistas, esse movimento de recuperação deve-se ao aumento dos índices de confiança que são dados atrelados e sensíveis às mudanças políticas. “A estabilização do índice de preços de valor venal dos imóveis aponta para uma retomada branda de preços”, explicou o presidente do SECOVI/DF, Carlos Hiram Bentes David.

Já o Índice Secovi de Locação que apresenta a variação dos preços dos imóveis ofertados para aluguel foi negativo durante todo o ano passado. Segundo o Anuário, em 2016 o índice teve um acumulado de -4,85%.

Para Carlos Hiram, o destaque entre a curva de vendas e a de locação é a redução da taxa básica de juros e a disponibilidade de crédito habitacional pelos bancos públicos e privados para quem deseja adquirir a casa própria. Porém, o mercado de aluguel é afetado diretamente pelo desemprego, pela diminuição da renda e pela inflação que ainda assolam o país.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

VOLUME GERAL DE VENDAS ATÉ ABRIL DE 2022 SUPERA 2021 EM 9,5 BI

O Boletim de Conjuntura Imobiliária, referente ao mês de abril, divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), informa que em 2022 o Volume…

REGIÕES DO DF TÊM VALORES DIFERENCIADOS DO METRO QUADRADO PARA IMÓVEIS USADOS

O Boletim de Conjuntura Imobiliária, referente ao mês de fevereiro, divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) aponta que um apartamento de 1…

FEVEREIRO REGISTRA RECORDE DE 3.8 BILHÕES EM VENDAS DE IMÓVEIS

Em 2022, o Volume Geral de Vendas (VGV) de imóveis acumulado até o mês de fevereiro, no Distrito Federal, atingiu o valor de R$ 7,03…

SECOVI/DF CELEBRA POSSE DA NOVA DIRETORIA

O Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais do Distrito Federal (SECOVI/DF) promoveu um almoço de confraternização para…