Carro mais barato para o Corretor

Após o lançamento da Frente Parlamentar do Mercado Imobiliário, o deputado Rodrigo Delmasso reuniu representantes do setor imobiliário para debater a isenção do ICMS na compra de veículos para os corretores de imóveis.

Durante o debate, ficou claro que a isenção do ICMS para aquisição de veículos novos para o corretor de imóveis não significa tratamento especial à categoria, já que o veículo automotor não é apenas um transporte convencional e de uso restrito dos profissionais que atuam na corretagem imobiliária, e sim seu instrumento de trabalho, pois é  nele que o corretor transporta clientes.

O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Distrito Federal (CRECI-DF), Hermes Alcântara, explicou que essa medida é mais uma forma de colaborar com uma categoria profissional que ajuda na realização do sonho de milhares de pessoas que desejam adquirir a casa própria. “Com o apoio do Deputado Delmasso, presidente da Frente, acreditamos que essas e outras carências do setor imobiliário do DF poderão ser resolvidas”, finalizou.

Durante a reunião, foram debatidos outros projetos de lei que irão beneficiar a sociedade e o mercado imobiliário.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Projeto de revitalização do Gama é aprovado

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) participou, ativamente, da aprovação do projeto de revitalização do Gama no Conselho de Planejamento Territorial e Urbano…

SECOVI/DF é favorável à moradias no Setor Comercial Sul

O Projeto de Lei Complementar que autoriza o uso residencial em imóveis comerciais localizados, nas quadras de 1 a 6, do Setor Comercial Sul, foi…

SECOVI/DF distribui máscaras de proteção às empresas associadas

As empresas associadas ao Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) estão recebendo, gratuitamente, máscaras de proteção contra a Covid-19 para seus funcionários e colaboradores.…

Entrevista concedida pelo presidente do SECOVI/DF, Ovídio Maia

Entrevista concedida pelo presidente do SECOVI/DF, Ovídio Maia, ao DF Record sobre a alta dos aluguéis residenciais e a baixa no preço dos imóveis comerciais.…