BOLETIM MOSTRA QUE NÚMERO DE IMÓVEIS DESOCUPADOS CRESCEU NO DF

  • 24 de julho de 2015

O Boletim de Conjuntura Imobiliária, referente ao mês de junho, divulgado esta semana pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) apresenta um novo gráfico que mensura o aumento do número de imóveis disponíveis para locação e venda no DF.

A amostra de junho foi a maior observada este ano. Entre janeiro a junho de 2015, o número de imóveis desocupados no Distrito Federal passou de 46.518 para 52.987 imóveis. Os números referem-se a 20,26% de imóveis desocupados para comercialização e 11,88% para locação, apenas no primeiro semestre deste ano.

Segundo, o presidente do SECOVI/DF, Hiram David, esse quadro não deve ser imputado, simploriamente, ao mercado imobiliário. “É extremamente importante percebermos que os números são frutos da condução trágica da política econômica brasileira”, informou.

O aumento do desemprego e da inadimplência, a alta da inflação ultrapassando a meta, uma taxa de juros (Selic) que esteve a 7,25% a.a. e agora aproxima-se dos 14%, uma taxa negativa do PIB e uma política de restrição ao crédito contribuem para o agravamento do quadro.

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getúlio Vargas (FGV) apresentou, entre maio e junho, uma queda de 1,4 pontos percentuais demonstrando o 2º valor mais baixo do primeiro semestre de 2015, passando de 85,1 para 83,9 pontos.

O Índice de Confiança da Indústria (ICI) apontou em junho de 2015 o menor nível histórico desde outubro de 2005. Entre maio e junho, o índice passou de 71,6 para 68,1 pontos, o que representa uma diminuição de 4,9% ou 3,5 pontos.

Confira a íntegra da pesquisa

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REGIÕES DO DF TÊM VALORES DIFERENCIADOS DO METRO QUADRADO PARA IMÓVEIS USADOS

O Boletim de Conjuntura Imobiliária, referente ao mês de fevereiro, divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) aponta que um apartamento de 1…

FEVEREIRO REGISTRA RECORDE DE 3.8 BILHÕES EM VENDAS DE IMÓVEIS

Em 2022, o Volume Geral de Vendas (VGV) de imóveis acumulado até o mês de fevereiro, no Distrito Federal, atingiu o valor de R$ 7,03…

SECOVI/DF CELEBRA POSSE DA NOVA DIRETORIA

O Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais do Distrito Federal (SECOVI/DF) promoveu um almoço de confraternização para…

VENDA DE IMÓVEIS EM JANEIRO DE 2022 DOBRA EM RELAÇÃO À 2021

O Volume Geral de Vendas (VGV) acumulado até o mês de janeiro, no Distrito Federal, atingiu o valor de R $3,16 bilhões, superando o mês…