BOLETIM IMOBILIÁRIO TRAZ NOVOS DADOS DO MERCADO NO DF

  • 3 de novembro de 2011
O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI-DF) divulgou o Boletim de Conjuntura Imobiliária, referente ao mês de setembro. Em relação ao desempenho de agosto, os índices de preços analisados em setembro cresceram e apresentaram aceleração, com exceção do IPC. O destaque nesse movimento generalizado de alta foi o IGP-M, que acelerou 0,21%, atingindo 0,65%, em relação ao nível observado em agosto, de 0,44%.

A base monetária apresentou expansão em relação à estabilidade que vinha sendo apresentada em meses anteriores. A oferta de crédito continuou crescente com destaque para o setor habitacional que segue a tendência dos últimos períodos e lidera as variações positivas em 49,3%.

As ofertas analisadas no Distrito Federal para imóveis residenciais detectaram Brasília como a cidade com os maiores valores absolutos e por metro quadrado para apartamentos e quitinetes. Fato evidenciado tanto para preços de locação quanto para preços de venda variando entre R$ 8.148 a R$ 9.456 o m2.

Os imóveis em Águas Claras e Guará continuaram bastante valorizados, um apartamento de 3 dormitórios nas cidades, supracitadas, não sai por menos de 400 mil reais.

Ao considerar a oferta de imóveis comerciais, Brasília continua em destaque apresentando os maiores valores absolutos e por metro quadrado de salas comerciais para venda e locação: um aluguel de uma sala comercial na cidade está em torno de 2 mil reais.

A análise de lojas aponta o Setor de Indústria e Águas Claras como as cidades com maior valorização, o valor mediano de uma loja em Águas Claras é de 613 mil reais.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

VOLUME GERAL DE VENDAS ATÉ ABRIL DE 2022 SUPERA 2021 EM 9,5 BI

O Boletim de Conjuntura Imobiliária, referente ao mês de abril, divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), informa que em 2022 o Volume…

REGIÕES DO DF TÊM VALORES DIFERENCIADOS DO METRO QUADRADO PARA IMÓVEIS USADOS

O Boletim de Conjuntura Imobiliária, referente ao mês de fevereiro, divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) aponta que um apartamento de 1…

FEVEREIRO REGISTRA RECORDE DE 3.8 BILHÕES EM VENDAS DE IMÓVEIS

Em 2022, o Volume Geral de Vendas (VGV) de imóveis acumulado até o mês de fevereiro, no Distrito Federal, atingiu o valor de R$ 7,03…

SECOVI/DF CELEBRA POSSE DA NOVA DIRETORIA

O Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais do Distrito Federal (SECOVI/DF) promoveu um almoço de confraternização para…