BOLETIM IMOBILIÁRIO MOSTRA REAÇÃO POSITIVA DO MERCADO

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) mostra que o mercado de imóveis volta a reagir, neste início de ano, com um recuo de 3,17% no número de unidades ofertadas, em relação ao mês de dezembro de 2018.

A amostragem total do mês de janeiro foi de 44.215 imóveis residenciais e 7.681 comerciais, sendo que 73,67% das unidades são de apartamentos destes 17,62% são destinados à locação e 82,38% à comercialização. Já as casas representam 26,33% da amostra sendo 90,73% destas ofertadas para locação. Em relação aos imóveis comerciais, 64,76% das unidades são de salas comerciais (40,25% para comercialização e 59,75% para locação), já 35,24% são de lojas destas 40,97% para comercialização e 59,03% para locação.

De acordo com o Boletim de Conjuntura Imobiliária, em janeiro, o Índice de Rentabilidade Comercial apresentou seus maiores valores nas categorias loja em Taguatinga de 0,71%, e loja e sala na região de Águas Claras de 0,69% e 0,58%, respectivamente. Os menores valores foram detectados nas salas do Setor de Indústria (0,33%) e de Brasília (0,46%), além das lojas do Setor de Indústria, de 0,48%. Já o Índice de Rentabilidade Residencial apresentou seus maiores valores nas categorias 1 dormitório, quitinete e 2 dormitórios em Águas Claras de 0,50%, 0,45% e 0,44%, respectivamente. Por sua vez, os menores valores foram encontrados nas categorias de 3 dormitórios e 1 dormitório no Guará de 0,31% e 0,34%, respectivamente, além de 3 dormitórios em Brasília com um percentual de 0,35.

O Índice Locação Secovi para o mês de janeiro de 2019 foi de 107,02 pontos, o que representa uma variação positiva de 1,79% em relação ao mês anterior. Já, o Índice de Comercialização ficou em 128,50 pontos representando uma variação de 0,40% comparado ao mês de dezembro do ano passado.

Clique aqui para baixar os boletins

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

BOLETIM IMOBILIÁRIO MOSTRA RECUPERAÇÃO DO MERCADO

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) aponta uma recuperação, lenta e gradual, do mercado de imóveis. De…

Reação do mercado imobiliário começou em 2018

A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) divulgou, na semana passada, uma pesquisa que mostra que o mercado de imóveis residenciais apresentou um aumento…

Novos bairros e novos moradores aquecem o mercado imobiliário do DF, avalia Secovi

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) acredita que o projeto de criação de dez novos bairros anunciado pelo governo do Distrito Federal irá…

Classe média volta a comprar imóvel com a retomada do crédito

A retomada do crédito com recursos da poupança e o aumento de lançamentos em 2018 trazem novo poder de compra para a classe média. Segundo…