Nova modalidade de financiamento imobiliário é positiva para o setor

A linha de crédito imobiliário atrelada à inflação, lançada pela Caixa Econômica Federal, e que será medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) irá impactar positivamente o setor de imóveis do país.

O presidente do Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), Ovídio Maia, acredita que a nova modalidade de financiamento também irá acirrar a concorrência entre os bancos, o que beneficiará o tomador do crédito. “Se compararmos com o setor do agronegócio brasileiro que é um dos poucos que vem se mantendo crescente e expandindo ano a ano , lastreado nas boas condições de financiamento e crédito acessível, teremos um reaquecimento em toda a cadeia produtiva da construção civil”, informou.

A linha anunciada pela CEF será para imóveis residenciais enquadrados no Sistema Financeiro da Habitação e no Sistema Financeiro Imobiliário. Segundo a Caixa, a taxa mínima será de IPCA + 2,95% ao ano e a taxa máxima será de IPCA + 4,95% ao ano. As taxas valerão para novos contratos e entrarão em vigor a partir de 26 de agosto. Já, a adesão à nova modalidade será facultativa, ou seja, o cliente poderá optar por aderir ou não ao formato. Além disso, os contratos terão prazo máximo de 30 anos e o financiamento será de até 80% do valor do imóvel.

É importante ressaltar que a parcela vai ser recalculada mensalmente, de acordo com a inflação divulgada pelo IBGE e o consumidor que optar pela modalidade de correção pelo IPCA não poderá alterar o contrato para ter a correção pela Taxa Referencial.

A CEF disponibilizou R$ 10 bilhões para a nova linha de crédito.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Setor imobiliário ensaia recuperação; clientes aproveitam taxas baixas

Com o início da pandemia do novo coronavírus no Brasil e as medidas de isolamento social adotadas, diversos setores comerciais foram impactados. Um deles é…

MERCADO IMOBILIÁRIO JÁ MOSTRA RECUPERAÇÃO EM MEIO À PANDEMIA

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) está otimista e já vislumbra a recuperação do mercado imobiliário mesmo em meio à pandemia. Com base…

Vetado PL que previa o abatimento de alugueis de imóveis comerciais

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) comemora o veto feito pelo governador do DF, Ibaneis Rocha, ao Projeto de Lei 1035/2020 que assegurava…

Sindicato da Habitação do DF assina acordo com entidade dos trabalhadores para manter empregos no setor

Com o objetivo de minimizar o avanço do novo coronavírus e tentar diminuir os impactos negativos no setor, além de visar a segurança jurídica do…