LAGO SUL RECEBE A 1ª PRAÇA DO MERCADO IMOBILIÁRIO

O Lago Sul inaugura, neste fim de semana, a 1ª Praça do Mercado Imobiliário do Distrito Federal. O local destinado a Corretores de Imóveis e Imobiliárias estará disponível em outras regiões administrativas do DF. O lançamento da 1ª Praça do Mercado Imobiliário ocorrerá no shopping Gilberto Salomão, no Lago Sul, nos dias 26 e 27/09, das 10h às 19h.

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) apoia o evento que é uma conquista para a categoria imobiliária. Segundo o presidente da entidade, Hiram David, esta foi mais uma vitória para os Corretores de Imóveis e para as Imobiliárias. “A Praça é o espaço que esperávamos para comercializarmos nossos imóveis sem agredir o meio ambiente com faixas e cartazes”, afirmou.

Desde o ano de 2002, a publicidade nos espaços públicos do Distrito Federal é regulamentada pelo Plano Diretor de Publicidade e é alvo constante da Agência de Fiscalização (AGEFIS). Segundo a Agência, o objetivo da fiscalização rígida é manter a limpeza visual da cidade em conformidade com a legislação vigente.

 

A criação das Praças do Mercado Imobiliário faz parte de um Termo de Cooperação Mútua assinado entre o Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 8ª Região (CRECI/DF) e as Administrações Regionais.

A ideia é preservar a limpeza visual da cidade, obedecendo à legislação e facilitar o acesso da população às ofertas de imóveis em um só lugar.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

SECOVI/DF é favorável à moradias no Setor Comercial Sul

O Projeto de Lei Complementar que autoriza o uso residencial em imóveis comerciais localizados, nas quadras de 1 a 6, do Setor Comercial Sul, foi…

SECOVI/DF distribui máscaras de proteção às empresas associadas

As empresas associadas ao Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) estão recebendo, gratuitamente, máscaras de proteção contra a Covid-19 para seus funcionários e colaboradores.…

Entrevista concedida pelo presidente do SECOVI/DF, Ovídio Maia

Entrevista concedida pelo presidente do SECOVI/DF, Ovídio Maia, ao DF Record sobre a alta dos aluguéis residenciais e a baixa no preço dos imóveis comerciais.…

SECOVI/DF condena reprovação de novo bairro pelo Iphan