SECOVI/DF DIVULGA NOVOS DADOS DO MERCADO IMOBILIÁRIO

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) divulgou o Boletim de Conjuntura Imobiliária com dados referentes a junho. A amostra analisada teve um pequeno recuo para 41.907 imóveis. Destes, 8,1% são de imóveis comerciais e 91,9% são residenciais.

Os imóveis residenciais à venda registraram variações pequenas em seu valor mediano, com algumas altas no Guará de 9,86% para apartamentos com 4 dormitórios. As variações de imóveis para locação também apresentaram poucas variações.

Em relação aos imóveis comerciais à venda, as lojas no Guará tiveram uma queda de 12,82%, de acordo com o metro quadrado. O preço do aluguel de salas comerciais disponíveis para locação em Brasília decresceu 3,43%.

 

O Índice Imobiliário SECOVI de comercialização apresentou leve declínio. Para o presidente do SECOVI/DF, Hiram David, a queda no índice tem característica de ajuste e acomodação nos preços do setor. A variação mensal registrou queda de 0,41% , após um período de recuperação no valor dos imóveis, desde novembro de 2016.

Confira a íntegra da pesquisa

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ARRECADAÇÃO DO ITBI SOBE MAIS DE 50% EM JUNHO

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) comemora o aumento no número de vendas de imóveis no mês de junho, conforme os dados divulgados pela…

Testes rápidos e máscaras são oferecidos às empresas associadas ao SECOVI/DF

As empresas associadas ao Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) contam com testes rápidos de detecção de anticorpos da COVID-19 e máscaras de proteção.…

Setor imobiliário ensaia recuperação; clientes aproveitam taxas baixas

Com o início da pandemia do novo coronavírus no Brasil e as medidas de isolamento social adotadas, diversos setores comerciais foram impactados. Um deles é…

MERCADO IMOBILIÁRIO JÁ MOSTRA RECUPERAÇÃO EM MEIO À PANDEMIA

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) está otimista e já vislumbra a recuperação do mercado imobiliário mesmo em meio à pandemia. Com base…