Moody’s aponta crescimento do financiamento imobiliário no Brasil

Levantamento da agência de classificação de risco Moody’s, divulgado nesta segunda-feira (18) pelo jornal Folha de S. Paulo, mostra que o financiamento imobiliário residencial deve crescer nos próximos 18 meses no Brasil e em outros países emergentes (México, Rússia, Turquia e África do Sul).

A Moody’s avalia que há declínio gradual da inadimplência e uma recuperação da situação financeira da classe média, após a recessão econômica observada nos últimos anos. A agência espera um crescimento de 2,5% do PIB brasileiro para 2018 e de 2,7% no ano que vem.

Segundo o relatório, o recuo das taxas de juros permitiu que os bancos renegociassem condições com tomadores de credito, quadro que deve continuar apoiando o desempenho do financiamento imobiliário.

A previsão é que a taxa básica de juros, a Selic, seja mantida na mínima histórica de 6,5% nas próximas reuniões do Copom (Comité de Política Monetária) até o fim do ano. Segundo economistas, a inflação este ano deve ficar em 3,88% e em 4,1% em 2019.

A agência aponta que devido à recuperação econômica e à inflação em mínimas históricas, os ganhos reais das famílias vêm crescendo há um ano, desde junho de 2017, o que permite mais acesso a créditos bancários para financiamentos de imóveis.

Dados da Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança) os financiamentos imobiliários com recursos do SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo) totalizaram R$ 4,11 bilhões em abril, aumento de 8,1% em relação a março e avanço de 31,2% na comparação com igual mês do ano passado.

Com informações da Folha de S. Paulo.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sindicato da Habitação do DF assina acordo com entidade dos trabalhadores para manter empregos no setor

Com o objetivo de minimizar o avanço do novo coronavírus e tentar diminuir os impactos negativos no setor, além de visar a segurança jurídica do…

Secovi-DF orienta imobiliárias sobre o retorno às atividades

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) alerta os empresários do setor imobiliário sobre as medidas que devem ser adotadas nessa volta ao trabalho…

GUIA PRÁTICO DO CORRETOR DE IMÓVEIS DURANTE A PANDEMIA

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) divulga o “Guia Prático do Corretor de Imóveis” com ferramentas e formas de ajudar a todos do…

CAIXA amplia medidas para o mercado imobiliário durante pandemia

A Caixa Econômica Federal anunciou novas medidas de proteção e estímulo ao setor imobiliário injetando cerca de R$ 43 bilhões de recursos na economia que…