CAIXA amplia medidas para o mercado imobiliário durante pandemia

A Caixa Econômica Federal anunciou novas medidas de proteção e estímulo ao setor imobiliário injetando cerca de R$ 43 bilhões de recursos na economia que contribuem para a sustentabilidade da carteira habitacional e manutenção da adimplência das operações.

As medidas para as empresas são:

• Antecipação de até 20% dos recursos do Financiamento à Produção de Empreendimentos para Obras a Iniciar;

• Antecipação de liberação de recursos correspondentes até 3 (três) meses, limitado a 10% do custo financiado, para obras em andamento e sem atrasos no cronograma;

• Liberação de recursos de financiamento para produção não utilizada pela empresa nos meses anteriores, limitada a 10% do custo financiado;

• Implementar uma pausa no financiamento à produção de 90 dias, para clientes adimplentes ou com até 2 (duas) parcelas em atraso, incluindo os contratos em obra;

• Permitir pagamento parcial de financiamento, por até 90 dias, para clientes adimplentes ou com até 2 (duas) parcelas em atraso;

• Inclusão ou pré-operação de carência por até 180 dias, para projetos com obras concluídas e em fase de amortização;

• Possibilidade de pré-registro de obras por até 180 dias;

• Admitir uma reformulação do cronograma de trabalho, nos casos de contingência na execução por questões de pandemia.

Fonte: Caixa Notícias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTA DE PESAR – ALBERTO FERNANDES 1931-2020

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) informa com imenso pesar o falecimento de Alberto Fernandes, diretor fundador do Secovi DF, ocorrido ontem (02/08),…

ARRECADAÇÃO DO ITBI SOBE MAIS DE 50% EM JUNHO

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) comemora o aumento no número de vendas de imóveis no mês de junho, conforme os dados divulgados pela…

Testes rápidos e máscaras são oferecidos às empresas associadas ao SECOVI/DF

As empresas associadas ao Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) contam com testes rápidos de detecção de anticorpos da COVID-19 e máscaras de proteção.…

Setor imobiliário ensaia recuperação; clientes aproveitam taxas baixas

Com o início da pandemia do novo coronavírus no Brasil e as medidas de isolamento social adotadas, diversos setores comerciais foram impactados. Um deles é…