ASA NORTE É A REGIÃO MAIS PROCURADA PARA VENDA E LOCAÇÃO NO DF

O Distrito Federal possui o terceiro metro quadrado mais valorizado do Brasil. O valor médio é de R$ 8.238, perdendo apenas para São Paulo (R$ 8.745) e Rio de Janeiro (R$ 9.811).

Porém, algumas regiões tornaram-se mais atrativas e há fatores considerados primordiais como mobilidade, localização e rentabilidade. Entre as regiões administrativas mais desejadas para compra e locação de apartamentos usados no DF, a Asa Norte ocupa o topo do ranking.

Existe um conjunto de facilidades que tornam a Asa Norte a líder de procura e vendas: a concentração de instituições de ensino universitário, de opções de lazer, de restaurantes e a proximidade com a Esplanada dos Ministérios.

Se comparada com a Asa Sul, a parte Norte também tem imóveis mais modernos com maior disponibilidade de vagas de garagem e infraestrutura pronta que proporcionam mais comodidade e menos tempo no trânsito. “A região tem uma demanda crescente e uma oferta limitada. Isso faz com que o preço seja pressionado e os imóveis estejam sempre ocupados”, enfatiza Pedro Fernandes, 2º Conselheiro do Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF).

Segundo o Boletim de maio do SECOVI/DF, o índice de rentabilidade que relaciona o retorno de preços de oferta de locação aos de comercialização, mostra que, na Asa Norte, a variação foi positiva. No preço mediano, a maior variação foi 7,94%, e a maior variação negativa foi de -2,95%. “A Asa Norte é um lugar nobre quando você a compara com outros bairros do Brasil, demonstrando um alto potencial de valorização”, afirma Fernandes.

Com informações do Metrópoles

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

IMÓVEIS EM ÁGUAS CLARAS SÃO OS MAIS RENTÁVEIS DO DF

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), referente ao mês de maio, mostra que as lojas e salas…

Fundos imobiliários atingem 32% de público investidor

Dados da B3, a base de investidores de fundos imobiliários (FII) listados comprovam uma expansão acelerada equivalente a 32% do público investidor da bolsa. Em…

A Lei Geral de proteção de dados e o setor imobiliário

A Lei 13.709/2018, conhecida como Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD),  que entrará em vigor em agosto de 2020, estabelece normas, direitos e obrigações…

Secovi-DF participará efetivamente da CBCSI

O presidente do Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais do Distrito Federal (SECOVI/DF) e vice-presidente da Federação…